#Notícias Unitoledo
 
 

Ex-aluno de Análise e Desenvolvimento de Sistemas trabalha atualmente na área que sempre desejou.

Verônica Martin

O ex-aluno Jean Maiko Semolini Gonçalves, 28 anos, iniciou seus estudos no Centro Universitário Toledo em 2011 como estudante da graduação em Análise e Desenvolvimento de Sistemas. Ele concluiu o curso em 2013. Atualmente, Jean trabalha na área, atuando como desenvolvedor de sistemas para a empresa Concept Automação Comercial, em Araçatuba.

Ele  destaca a qualidade de ensino proporcionada pela UniToledo e o suporte oferecido aos alunos como  fatores para seu sucesso profissional. “Um diferencial que o curso me proporcionou foi mostrar a linguagem de programação JAVA na maioria dos semestres, oferecendo uma base sólida e não só o básico”, afirma.

O egresso comenta que sempre procura estar inteirado  com sua área. “Depois que finalizei a graduação, fiz vários cursos voltados para área de desenvolvimento de sistemas para me manter atualizado e aprender coisas novas.”

Umas das grandes conquistas do ex-aluno foi decidir aceitar um desafio de desenvolver um aplicativo de pedidos da empresa em que trabalha. “Em novembro de 2012, comecei como suporte técnico. Numa segunda-feira, fui chamado pelo diretor da empresa e fiquei sabendo que havia surgido uma vaga no setor de desenvolvimento, caso eu topasse desenvolver o aplicativo, entraria nessa vaga.”

UNIVERSITÁRIO
Ao longo dos estudos, Jean diz ter passado por dificuldades em conciliar trabalho e estudos, “Trabalhava das 8h ás 18h e entrava na faculdade às 19h. Lembro de ter ficado até altas horas da madrugada tentando resolver algum exercício ou fazendo trabalhos da faculdade.” Segundo ele acontecia muito de ir dormir pensando num problema e levantar durante a madrugada com a solução do mesmo.

O ex-aluno ainda ressalta a importância que o curso e os professores agregaram em sua carreira. “Eu tive ótimos professores que me passaram muita coisa que levo comigo até hoje, sempre estiveram dispostos a explicar mais de uma vez, caso necessário.”

MERCADO
Na visão de Jean, o mercado de trabalho precisa de pessoas que estejam dispostas a enfrentar grandes barreiras e sempre querer aprender. “Eu vejo o mercado precisando de mão de obra qualificada. Há também espaço para aqueles que querem arriscar e tentar emplacar algum software de sucesso como o iFood e o Uber, por exemplo”.

Aos futuros profissionais da área, Jean deixa sua dica: “Aproveitem a faculdade para aprender tudo o que conseguirem, não saiam da sala de aula com dúvidas, aproveitem ao máximo o conhecimento do professor, pois, esse será o conhecimento base. Quando se aprende a lógica, você se adapta a qualquer linguagem de programação”.