#Notícias Unitoledo
 
 

Grupo de Pesquisa discute sobre a água e elabora estratégias de melhoria das alterações humanas no meio ambiente

Mariana Páscua

O grupo de pesquisa multiprofissional, denominado Saúde e Meio Ambiente, conta com a participação de alunos dos cursos de Biomedicina, Nutrição, Arquitetura e Administração do UniToledo. Segundo a coordenadora Tatiane Petroni, cada aluno participa contribuindo com sua visão profissional sobre o tema em questão. “Isso enriquece ainda mais o projeto. ”

O grupo teve início em agosto de 2018 e tem como tema de pesquisa a vertente “água”. Além da discussão de artigos científicos, os estudos terão a aplicação de questionários à população, coleta de amostras de água e amostra biológica para análise coproparasitológica.

Segundo Petroni, inúmeras doenças endêmicas na região de Araçatuba, como dengue e leishmaniose, resultam das alterações humanas no ambiente. “Entender que o meio é parte importante do processo saúde-doença e elaborar estratégias que visem mudanças de comportamento na população para melhoria destes indicadores, é o objetivo deste grupo de pesquisa”.

PARTICIPAÇÃO
Ainda de acordo com a coordenadora, o grupo teve participação no ENPEX 2018 com a apresentação da proposta de trabalho resultante das reuniões e discussões dos artigos científicos do grupo. Já neste ano os participantes iniciarão a pesquisa de campo.

A coordenadora afirma a importância do grupo para os acadêmicos é que a participação desperta o senso crítico e olhar científico para resolução de problemas. “Para integrar um grupo de pesquisa, é importante que o aluno tenha disciplina para destinar uma parte do seu tempo para leitura de artigos da área, participação das reuniões e disponibilidade de tempo para ir à campo obter as informações e materiais para a pesquisa. Tendo estes requisitos, qualquer aluno, ainda que não tenha conhecimento prévio na área, terá um bom desempenho científico”.

Os alunos dos cursos participantes, que tiverem interesse em ingressar no grupo e ampliar seus conhecimentos na área científica deverão procurar a coordenadora ou entrar em contato através do endereço tatipetroni@gmail.com.

Notícias Relacionadas