#Notícias Unitoledo
 
 

Raquel Pinheiro Fala Sobre Trajetória Profissional E Mudança De Carreira Aos Alunos

Barbara Nascimento – 11/10/2011O desafio da mudança de carreira e as consequências dessa escolha foram apresentadas por Raquel Pinheiro a partir de sua própria experiência profissionalO desafio da mudança de carreira e as consequências dessa escolha foram apresentadas por Raquel Pinheiro a partir de sua própria experiência profissional

Por Simone Dias

Escolher uma profissão talvez seja a tarefa mais difícil na vida de um adolescente. Já imaginou escolher três, gostar de todas, e, no final, seguir aquela que talvez seria a última opção? Parece meio confuso, mas, isso aconteceu na vida da publicitária Raquel Pinheiro. Ela contou essa história por meio da palestra “Mudança de carreira – Should I stay or should I go?”, ministrada na 2ª Semana Acadêmica do Administrador e Gestor do UniToledo, na última segunda-feira (10) à noite e terça (11) pela manhã.

Determinada, sempre teve em mente que estudar seria seu diferencial. “Eu queria ser  referência e ter a certeza de que iria alcançar meus objetivos. Para isso, usei três palavras mágicas e as coloquei em prática: determinação, talento e foco”, destacou.

Parece exagero, mas, Raquel cursou três faculdades ao mesmo tempo: Direito, Publicidade e Ciências Sociais. Ela estudava de manhã, à tarde e também à noite. Tinha responsabilidade de administrar 24 matérias e estudar para 48 provas trimestrais. Como não tinha carro e morava na capital de São Paulo, passava pelo menos quatro horas por dia no trânsito, dentro de um ônibus. Devido a alguns problemas, só não conseguiu concluir Direito, mas, ainda fez especialização, pós-graduação e um MBA. “Tem gente que tem talento e tem gente que não tem. O meu era estudar e eu fui atrás disso. Eu tinha excelência nas três graduações que cursava e nunca tive média abaixo de 9,5”.

Porém, chegou o momento da escolha para encarar o mercado de trabalho. Se escolhesse Direito, seguiria a tradição da família, composta, em sua maioria, por advogados e voltaria para sua cidade, Nazaré/BA. Ciências Sociais era sua meta para mestrado e pesquisas, mas, achou que o valor que receberia por uma bolsa de estudos não seria suficiente para seus desejos e planos.  Foi então que decidiu seguir a área de comunicação e trabalhar com publicidade e propaganda.

MUDANÇA DE CARREIRA
Raquel passou por grandes empresas e chegou a ser gerente sênior de Marketing da Nókia e Santander. Viajou praticamente o mundo todo. A trabalho, conheceu diversas culturas e adquiriu experiência suficiente para trabalhar em qualquer empresa do segmento. Só que será que isso era realmente seu desejo? A resposta, dita por ela mesma, foi não. “Chegou um momento em que eu me questionei se realmente estava feliz, se aquilo representava o meu sucesso. Percebi que não fazia a diferença na vida das pessoas, com a minha profissão. Eu decidi fazer um teste nas outras duas carreiras para as quais eu tinha estudado. Analisei as possibilidades e tomei uma decisão que talvez não tomaria se fosse no início”, afirmou.

O que ela precisava era descobrir para o que queria mudar e os parâmetros para isso. Em julho deste ano, Raquel tomou a decisão que talvez fosse a última em suas escolhas. Voltou para sua cidade natal e decidiu seguir a carreira da família. Hoje, trabalha no escritório de advocacia do pai. “Parece loucura, mas, é o que me faz feliz. O meu trabalho faz a diferença na vida das pessoas”.

Ela não assina ações e representações feitas na justiça. Trabalha como uma estagiária do pai e pretende concluir os três semestres restantes do curso de Direito. “Esse é o caminho que descobri para o meu verdadeiro sucesso”, concluiu, explicando que hoje, olhando para tudo o que já aconteceu em sua vida profissional, encontra o sentido para a sua atual condição.

Share on twitter Share on email Share on print More Sharing Services 0