#Notícias Unitoledo
 
 

Você no Mercado: O coordenador de Engenharia da Produção, Sérgio Mazini, conta sobre as oportunidades dessa área

Rafaela Tavares

Desenvolver um trabalho voltado para elevar a eficiência dos processos produtivos de uma empresa, melhorar o fluxo de trabalho, desenvolver de produtos, gerir fornecedores, além de ajudar na redução de custos. Essa é a função do engenheiro de produção, profissional com um papel que une competências como gerenciar, planejar, executar e coordenar as ações com foco na melhoria nas relações socioeconômicas do setor de produção de bens e serviço,

O bacharelado em Engenharia de Produção é uma das 25 graduações do UniToledo, e possibilita a atuação em segmentos como a indústria, o comércio e a prestação de serviços. Segundo o coordenador do curso, Sérgio Ricardo Mazini, o principal empregador é a indústria, na qual profissional poderá atuar em diferente setores, entre eles a qualidade, segurança do trabalho, processos. A maioria dos cargos é ocupados por quem se forma de nível gerencial.

“Pela sua formação ampla, o Engenheiro de Produção também atua em empresas comerciais e prestadora de serviços, nas quais otimizará os recursos, definirá estratégias, reduzirá custos e melhorará a qualidade”, afirma o coordenador. Segundo ele, Engenharia de Produção é um curso dinâmico, atualizado e que possui uma proximidade com as empresas da região. A graduação facilita o desenvolvimento de projetos em parceria com empreendedores, o que abre portas para que os alunos estagiem ou mesmo conseguam um emprego efetivo. Leia a entrevista com o coordenador:

MERCADO
Devido à necessidade de a empresa se manter competitiva e enfrentar não somente os concorrentes, mas também às mudanças de economia e política que impactam nos negócios, o Engenheiro de Produção é bastante requisitado e o mercado está em alta e aquecido. A indústria segue sendo o principal empregador do Engenheiro de Produção.

CONSULTORIA
A consultoria é um segmento interessante e em crescimento. Como as micro e pequenas empresas nem sempre conseguem contratar um Engenheiro de Produção, a consultoria passa a ser uma opção para atuação neste nicho de mercado.

VISIBILIDADE
A principal transformação pela qual a área passou nos últimos anos acredito que seja a visibilidade maior que a profissão vem conquistando justamente devido às inúmeras crises que as empresas precisam enfrentar, afinal, o Engenheiro de Produção atua não somente a curto prazo na resolução de problemas, mas a médio e longo prazo, definindo estratégias e ações de melhoria constante.

EFETIVAÇÃO
Alguns alunos já entram no curso vindos da indústria e buscando uma formação ampla para crescimento pessoal e profissional. A procura por estagiários ou mesmo empregos efetivos em crescendo nos últimos anos e expandido inclusive para os anos iniciais do curso.

EDUCAÇÃO
O aluno precisa estar atento e bem informado sobre as mudanças na economia, política e legislação que possam impactar nos negócios. Além disso, contribui muito a participação em projetos de iniciação científica ou projetos de extensão que o curso oferece, possibilitando assim ampliar tanto a formação quanto as chances no mercado de trabalho. A educação continuada é uma necessidade. Mesmo durante a graduação é importante buscar participar das atividades de pesquisa e extensão que o curso oferece.

SUCESSO
O profissional com sucesso na área é pró-ativo, bem informado, que sabe trabalhar em equipe, capaz de liderar e executar projetos nas diversas áreas das empresas.

ESTÁGIO
Fazer estágios antes do período da obrigatoriedade é bastante importante. O quanto antes o aluno conseguir um estágio, mais cedo ele terá contato com a realidade das empresas. No curso é comum cada vez mais cedo os alunos conseguirem estágio na área.

CURSO
Além da formação oferecida por meio das disciplinas, o curso proporciona projetos integradores que possibilitam o desenvolvimento de competências como trabalho em equipe, comunicação, liderança, criatividade e iniciativa tão essenciais no mercado de trabalho. O uso de metodologias ativas de ensino e aprendizagem durante o curso possibilita um maior engajamento dos alunos auxiliando na formação mais ampla deste futuro profissional.