#Notícias Unitoledo
 
 

Você no mercado: o coordenador do curso de Ciências Contábeis UT, Mario Selis, fala sobre a atuação do profissional no mercado atual

Vitória Frederico

Hoje o profissional formado em Ciências Contábeis tem um leque de possibilidades muito grande, tanto na parte privada quanto na pública. O egresso dessa graduação pode atuar na área de auditoria contábil, perícia da contabilidade, gerencia contábil, empreendedora da contabilidade – sendo um consultor e trabalhando por conta, além de fazer a gestão de custos e orçamentos.

O coordenador do curso de Ciências Contábeis do UniToledo, Mario Selis, fala sobre alguns tópicos importantes para quem está seguindo essa carreira.

SEGMENTOS
Atualmente há uma grande demanda na área de auditoria. Sou muito feliz em dizer que o UniToledo tem uma visibilidade muito boa nas empresas. Nós já encaminhamos aproximadamente 18 profissionais egressos que já estão atuando nessas empresas de forma satisfatória, além de ajudarem a encaminhar outros alunos que ainda estão no curso. Um outro campo que começou a ter maior demanda é a área de tecnologia. O pessoal que trabalha com software fazendo configurações contábeis, sped contábil, sped fiscal, contabilidade digital em geral.

MUDANÇAS
O profissional que antes se limitava a ficar no escritório de contabilidade, fazendo registro e apuração de imposto acabou. Hoje a contabilidade está realmente no mundo digital, então é necessário um profissional que entenda de contabilidade e como passar isso pra dentro de um sistema. Portanto, desde o primeiro ano é trabalhado com os alunos o mecanismo digital, para que eles realmente saibam o que estão fazendo, não fazer de uma forma mecânica como era antigamente.

ORIENTAÇÃO
Dedicação, eu acho que é o primeiro ponto> a descoberta da contabilidade é fantástica, mesmo pra quem está fora da área. A dedicação ao estudo torna-se prazerosa e primeira coisa que eu quero transmitir aos alunos é isso. Eu quero que eles se contaminem com a contabilidade, se contaminem com esse mesmo amor que eu tenho com a profissão, pois a partir daí as escolhas que você fizer, elas vão fazer sentido.

ESTÁGIO OBRIGATÓRIO
O estágio começa ser obrigatório no terceiro ano, mas nada impede que o aluno comece antes. Um escritório de contabilidade trabalha com muitas empresas, então surgem muitas situações, e o aluno estando trabalhando nisso, acaba vivenciando esses problemas e isso é muito bom, pois assim ele traz pra sala de aula essa demanda e é possível ir além do conteúdo programado.

EDUCAÇÃO CONTINUADA
É mais do que uma necessidade, é uma obrigação na área. Depois de formado, o profissional de contabilidade precisa passar por uma prova, semelhante á da OAB pra que ele possa ter seu registro no CRC (Conjunto Regional de Contabilidade) e, a partir daí, anualmente, ele precisa ter 40 horas de educação continuada registradas pelo CRC. Portanto, o profissional precisa buscar o conhecimento para estar sempre se atualizando.